Hora do conto

Era uma vez uma menina chamada Lua do Mar. Os pais desta menina gostavam de namorar à beira mar. Quando ela nasceu resolveram pôr-lhe o nome de Lua do Mar.
Anabela 2º ano

Lua do Mar, o velhinho, o Canzarrão e o Gatão foram à pesca e pescaram carapaus.
Os carapaus eram deliciosos principalmente para o gato Gatão. O cão Canzarrão detestou, agora só faltava provar a Lua do Mar. Ela provou e todos disseram:
– Gostaste Lua do Mar?
A menina respondeu:
– Gostei e não gostei, estavam um pouco duros!!
Após terem comido foram dar uma volta de barco até um lago. Chegou a noite, então a Lua do Mar disse:
– Já é noite estou a ver a minha irmã lua. Todos a vêem? Sabiam que ela é famosa?!
Responderam:
– Não, não sabíamos. E porquê?

Como estavam cansados foram para a margem do lago, deitaram-se na relva. Olhavam para o céu estrelado e apreciavam a lua.
A Lua do Mar disse:
– Como é bonita a minha irmã lua.
– Vamos embora estou a ficar com frio.
Eles entraram no barco para partirem para casa. Quando chegaram disseram às pessoas que precisavam de reciclar.
A Lua do Mar prometeu à sua irmã lua que a iria visitar todos os dias.
Ana Rita 3 º ano

No barco a Lua do Mar viu um golfinho, peixes a saltar ficou toda contente, por poder ver e o mar não estar poluído.
O gato estava a dormir, todo esticado no barco e não viu os peixes.
De repente o cão começou a ladrar e o gato assustou-se, e perguntou:
– Quando vamos pescar? Estou com fome?
O velhinho respondeu:
– Agora mesmo.
– Fixe. Disse o gato.
Os quatro puseram-se a pescar. Mas rapidamente chegou a noite e tiveram que terminar.
Chegaram a casa e contaram tudo aos pais da Lua do Mar.
Orlando 3 º ano

Quando começaram a viagem, repararam que o mar estava muito poluído e os peixes estavam doentes. Partiram para a Índia para pescar.
Quando acabaram de pescar foram para casa, ma pelo caminho encontraram um redemoinho e tiveram que voltar outras vez para a Índia.
A Lua do Mar disse:
– Vamos por outro lado?
O velhinho respondeu:
– Vamos tentar.
Lá foram ele por outro lado e aconteceram muitas aventuras pelo caminho. Até que o Canzarrão perguntou:
– Quando é que vamos chegar a casa?
O velhinho respondeu:
– ainda não sei, mas devemos estar quase a chegar.
O gato Gatão como era muito dorminhoco adormeceu no barco.
Quando chegaram a Lua do Mar teve uma ideia.
– Se nós separássemos o lixo que está no chão e o colocássemos nos Ecopontos? Ensinássemos as pessoas como é?
Todos concordaram e assim fizeram. Conseguiram limpar o País do lixo.
Adriana 3º ano

O velhinho disse:
– Entrem para o barco.
Entraram todos e partiram em viagem.
 – Se o velhinho pudesse passar por Inglaterra pensou a Lua do Mar, para si própria.
– Vamos passar por Inglaterra? Para ver como está! –  pediu a Lua do Mar.
– Claro, por que não?! – respondeu o velhinho.
Enquanto navegavam, só a Lua do Mar pescava.
O cão comia peixe e deixava as espinhas para o gato. Este comia-as deliciado. O velhinho conduzia o barco.
Mas a maior parte do tempo o gato Gatão dormia.
Quando chegaram a Inglaterra viram tanto lixo no chão.
A Lua do Mar ficou tão triste, assim como o velhinho, o cão e o gato e pensaram o que podiam fazer.
A Lua do Mar teve uma ideia.
– Perguntou às pessoas porque é que não colocavam o lixo nos Ecopontos?!!
As pessoas responderam:
– Mas nós não sabemos como é? Não sabemos separar.
A Lua do Mar contou ao gato, ao cão e ao velhinho e pediu-lhes ajuda.
Então decidiram explicar às pessoas onde se colocava: o papel, o cartão, o plástico, o metal, o vidro e o restante lixo.
As pessoas depois de separarem foram a outros países e ensinaram a separar o lixo.
Assim o planeta Terra ficou limpo.
Helena 3º ano

O velhinho disse:
– Entrem para o barco. Vou levar-vos a dar um passeio pelo mar.
– Onde vamos? Perguntaram todos.
– Vamos visitar os Açores para ver um aterro, vamos ver como separam o lixo.
– Também podíamos fazer uma pesquisa sobre a reciclagem para aprendermos um pouco mais. – disse a Lua do Mar.
– Vamos perguntar às pessoas se separam o lixo? – perguntou o gato Gatão.
Orlando 3º ano

horadoconto1.jpg 

Hoje fomos à Biblioteca e ouvimos o contador de histórias, Filipe. Ele contou-nos uma história de uma menina chamada Lua do Mar, do gato e do cão.
Primeiro tentamos, com os olhos fechados, ouvir o som do mar. O Contador de Histórias foi buscar a Rita do 1º ano e pôs-lhe um búzio, para ela escutar o som do mar.
Contou a história

lua.jpg         lua2.jpg
E no fim mandou-nos fechar os olhos e escutar! Parecia o som da trovoada, então chamou a Vanessa para pegar num rolo de papel que tinha desenhado um trovão e puxar. O som que se escutava era de trovoada. Perguntou-nos se tínhamos medo, mostrou-nos que dentro não havia nada.
Eu gostei muito de ouvir a história.
Ângelo 2º ano
A Lua do Mar e os seus amigos foram viajar pelo mar.
Olharam para a água e viram que estava toda poluída e que os peixes estavam a migrar para Espanha, porque não podiam viver ali.
O gato Gatão, o cão Canzarrão e a Lua do Mar ao verem tanto lixo tiveram uma ideia.
– Vamos pedir ajuda aos peixes para nos ajudarem a empurrar o lixo para a areia?
– Vamos. – disseram todos entusiasmados.
Juntaram todo o lixo que conseguiram na areia e aí começaram a reciclar.
O plástico e as embalagens de metal no Embalão; os restos de madeira, peixes mortos e o lixo que já não podiam separar, porque estava molhado, no Lixo Normal.
Chegaram ao fim cansados mas felizes, tinham conseguido limpar o mar.
Diogo 3º ano
Era uma vez um amenina que se chamava Lua do Mar que vivia com os pais.
O seu melhor amigo é o gato Gatão. Um dia ela pensou e disse:
– Porque é que me chamo assim?
Ela pensava que se chamava Lua do Mar porque tinha uma irmã que estava no céu.
Mas não ela chamava-se assim porque os pais gostavam de namorar junto ao mar.
Um dia ela com a ajuda do gato e do cão encheram 124 balões para irem até à lua . Agarraram-se os três e chegaram à lua.
O gato perguntou:
– Ó lua porque é que às vezes és tão gorda?
– Porque estou a jogar às escondidas com o sol. – disse a lua.
Eles viram que o planeta estava todo sujo e resolveram reciclar todo o lixo.
Adriana 2º ano
Era uma vez uma menina que se chamava Lua do Mar. ela um dia perguntou aos pais porque se chamava assim. Os pais responderam que quando eram solteiros namoravam à beira – mar à luz do luar.
Certo dia a menina pensou que a lua fosse irmã dela, então decidiu conhece-la.
Chamou pelo gato, mas ele não acordou. Então resolveu pedir ajuda ao cão para o acordar.
A Lua do Mar não sabia como chegar até à lua. Pensou, pensou e lembrou-se que podia ir num balão de ar, mas como não tinha, resolveu ir buscar os seus 124 balões que tinha na gaveta do quarto.
Com a ajuda do cão encheu os balões, porém o gato não ajudou, porque com aquelas unhas rebentava tudo.
Quando estavam todos cheios partiram para a lua.
A Lua do Mar perguntou:
– Ó lua, tu és minha irmã?
A lua respondeu:
– Sou, tenho o mesmo nome.
O gato perguntou à lua:
– Tu és namorada do sol?
– Não somos amigos. Às vezes o sol ilumina-me e eu fico branca, fico redonda, quando não me ilumina fico escura pareço uma banana.
Já na Terra a menina com os amigos resolveram pregar partidas a quem deitasse lixo para o chão e assustavam-nos.
A primeira foi uma senhora toda janota que assoou o nariz e deitou o lenço para o chão; a seguir foi um menino de skate que atirou uma lata para trás das costa e o cão vestido de fantasma assustou-o e o terceiro era um velhinho que acabou de ler o jornal e o atirou para o chão. Ma o gato que estava a dormir esqueceu-se de o assustar. Mas a menina acordou-o e ele foi atrás do velhinho e lembrou-lhe o que tinha feito. O velhinho convidou-os para irem pescar.

mar.jpg

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s